sexta-feira, 20 de outubro de 2006

Grande Patrimônio da Humanidade


João Maria José Francisco Xavier de Paula Luís António Domingos Rafael de Bragança, de codinome O Clemente, foi Rei de Portugal e também uma das importantes pessoas para a criação da nossa Biblioteca Nacional. Sim, Dom João VI trouxe, na sua transfêrencia para o Brasil, milhares de livros de sua Real Biblioteca. Mas não é a este fato histórico que me refiro ao Grande Patrimônio da Humanidade, e sim, à arte da boa escrita.

A arte da boa escrita não é somente escrever sem erros de ortografia ou gramática, vai muito mais além. Escrever bem é transformar pensamentos e idéias em palavras belas, exatas e verdadeiras. Cada linha descreve o conhecimento do autor, cada palavra põe em prova o artista das palavras. Herdamos este grande patrimônio e - com o jeitinho brasileiro - estamos o administrando muitíssimo bem. Alguns deles são: Manuel Antônio de Almeida, creditado como o iniciador da literatura pitorescano Brasil; José de Alencar escreveu vários romances populares e regionais; Machado de Assis, aclamado como o maior escritor brasileiro do 19º século; a prosa de Euclides da Cunha, retratando realidades sociais; Cruz e Souza representando à volta do século a imaginação literária brasileira; Carlos Drummond de Andrade representa os poetas espontâneos; Jorge Amado, Graciliano Ramos e Raquel Queiroz evocaram os problemas e sofrimentos de vida na região nordeste onde eles nasceram; João de Cabral Melo Neto é conhecido por suas poesias sóbrias e cheias de palavras precisas.

............
Quem sabe, no caminho que trilho, eu atinja a excelência na escrita e faço honras ao que me chamaram no Orkut, de escritora.

6 comentários:

Adão Flehr disse...

Viu? Já está tomando gostinho pela coisa... rsss
Empenho Tamara, acho que esta é a palavra. Pois o principal que é a alma (já disse isto) de artista, vc já possui...

b-jinhos,

Adão Flehr disse...

Ah! esqueci uma coisa: além de escritora, poetisa!!! (eu acho linda esta palavra)

bom domingo,

b
-
j
o
s (escorridos... rsss)

karen disse...

OI
Passei uma batata-quente para você lá no blog, vai lá conferir

Celo disse...

Acho que tu ja descobriu seu talento,,afinal ninguém se diz grande, talentoso, competente.geralmente as pessoas dizem a nós..
Esperando ai mais ditos, escritos, e poemas..
Boa semana , belo blog

Tamara disse...

Agradecida, Celo, por sua generosidade.

Iiiiidem, boa semana.

dontanalise disse...

ha um Fernando que nos une, ele nao é ninguem, acaba por nao ser Pessoa mas sim os sonhos de ser Pessoa em pessoa.
gostei de ler F.Pessoa no blog, me senti mais proxima*beijo miga