terça-feira, 21 de março de 2006

Até PUTA é PROFISSIONAL


O novo profissional não é formado de curriculum vitae abarrotado de cursos: é, principalmente aquele que consegue equilíbrio entre a inteligência racional e a inteligência emocional. Precisa, antes de mais nada, exercitar e praticar o espírito coletivo, saindo do individualismo decadente e do "jogo do perde-ganha".

Junto a essa forma de profissionalismo, a competência chega com um novo significado, que deixa de ser apenas sinônimo de capacidade, para ser um conjunto de traços que já nascem com o indivíduo e que não são facilmente percebidos, além das características que ele tem que buscar, sempre, no cotidiano. Entre essas características estão o respeito, o autoconceito, os traços da personalidade individual, a motivação e o motivo para realizar coisas, entre outras.

O profissional MODERNO é essencialmente questionador, não aceita passivamente atitudes e decisões impostas; quer sempre participar através de opiniões claras e objetivas, faz sugestões para a contribuição do engrandecimento de todos. Deve ter menor preocupação com o seu emprego e uma maior com sua empregabilidade. E a criatividade como fator diversificador.

Conclusão:
- Meus objetivos: mudança. Conexões. Capacitar. Agir como modelo. Valorizar o criativo. Recompensar. Ambiente estimulador. Colaborar. Dialogar. Multiplicar. Pessoal. Iniciativa.

- Objetivos alheios: controle. Escalões. Limitar e definir. Dar ordens. Impor disciplina. Punir. Ambiente tenso. Criticar. Disciplina rígida. Linear. Impessoal. Cumprir ordens.

3 comentários:

LALI disse...

Isso é bem real msm...

Adão Flehr disse...

Somos todos putas amadoras... Levantando cedo,toda manhã, cedendo 8,10 horas de nossas vidas, cedendo nossos melhores anos, em troca de dinheiro...nesta prostituição velada que chamos de trabalho...

Só a Puta é profissional! sem beijo na boca...

abraços,
Adão

Tamara disse...

Somos PROFISSIONAIS PUTOS, Adão.

Sim, vou chegar todas as tardes no trabalho e cumprimentar: "BOA TARDE, mas sem beijo na boca, por favor"!